TOMA-ME

 

Toma-me!

 

 A ti me entrego sem limitações,

 

quero fazer dos céus nosso leito de amor,

 

 dos bosques nosso refugio,

 

 semear contigo os jardins que vão tocar o coração de Eros...

 

Vem docinho...

 

 Quero sentir teu beijo,

 

dar a você meu néctar e receber o teu,

 

 sair gritando como criança que nos amamos,

 

e que venceremos tudo!

 

Quero te sentir desde o dedinho de seus pés

 

 aos ultimo de seus cabelinhos,

 

quero ser teu de todas as formas

 

 jogar-me em teus braços e sentir tua força!

 

Ah docinho!

 

Vem, faz de meu mundo a extensão do teu,

 

 de meus sonhos os teus, do meu querer o teu,

 

 seja minha respiração!

 

Vem...

 

Sente meu sabor entrelaçar nossos corpos,

 

 fechar nossos olhos e simplesmente amar...

 

 Fazer de cada cantinho de nosso castelo, nossa marca

 

para que fique por toda a eternidade, o exemplo deste sentimento!

 

Vem ser meu terremoto, abrir meu coração, sepultar minhas aflições,

 

vem ser minha lua e encantar-me mesmo nas noites sombrias...

 

 Vem ser meu sol, a penetrar em minha pele e

 

lançar-me perante um universo ladeado pelo arco Iris de nosso amor!

 

Vem faz de cada encontro um momento único quero você vem...

 

 Vem...

 

 

Cristal Solitário